Projeto Dia do Livro

Projeto: Montagem de uma peça teatral a partir da leitura de uma história.

Título do projeto: Quando a história leva à fantasia e a fantasia à representação.

Tema: Dia Nacional do Livro Infantil (18 de abril – data do nascimento de Monteiro Lobato).

Duração do projeto: aproximadamente um mês.

Projeto interdisciplinar: Língua Portuguesa, História, Geografia, Arte, Dramatização, Música e Informática.
Discuta com os alunos a elaboração do projeto. Converse sobre os temas que serão desenvolvidos:

• O papel da literatura infantil e a importância de escritores de literatura infantil, como Monteiro Lobato.
• A biografia de Monteiro Lobato – Recomende que explorem e busquem informações interessantes sobre Monteiro Lobato.
• Ressalte a necessidade do envolvimento de todos na elaboração do projeto, na responsabilidade de cada um e qual será o produto final.



Etapas do projeto

1. A escolha do livro deve ser feita de forma cuidadosa, pelo professor, com a ajuda dos professores de Arte e Música. (O livro não precisa necessariamente ser de Monteiro Lobato.) Veja no site do IBEP-Nacional, www.ibep-nacional.com.br, alguns livros paradidáticos.

2. Apresentação do livro para os alunos.

3. Antecipação, com os alunos, do enredo e tipo de história, analisando o título, o nome do autor, as imagens do livro.

4. Leitura compartilhada da história – leitura modeladora – realizada pela professora da classe, com comentários sobre a capa do livro, o título, o nome do autor ou autores, o nome do ilustrador, as imagens do livro, a quantidade de páginas, o tipo de letra, as informações da contracapa etc.
A leitura deve ser feita de forma interativa, para dar oportunidade ao professor ou aos alunos, ocasionalmente, de tecerem comentários sobre o enredo e o comportamento das personagens, o que intensifica o envolvimento com a história.

5. Reescrita da história pelos alunos da classe. O texto coletivo é escrito na lousa pelo professor. Os alunos copiam esse texto no caderno.

6. Montagem de um pequeno livro, individual, com desenhos e textos do aluno, recontando todas as etapas da história.

7. Se possível, leitura ou comentário de outros livros que contam uma história semelhante ou que tratam do mesmo tema.

8. A preparação para a representação da história deverá contar com a colaboração de todos para a escolha dos papéis e das músicas, para a confecção das fantasias, do cenário. De alguma forma, todos os alunos da classe deverão participar da peça.

9. Apresentação da história, dramatizada pelos alunos, no auditório do colégio ou mesmo em um palco improvisado no pátio.

Justificativa

1. Trata-se de uma atividade altamente lúdica, multidisciplinar, que envolve toda a classe.
2. Exercita o pensamento simbólico no jogo do faz-de-conta.
3. Contribui para o crescimento pessoal, pois as crianças se defrontam com vários desafios.
4. Faculta a aquisição de conhecimentos variados, decorrentes da própria realização das tarefas.
5. As atividades são lúdicas, contextualizadas e muito significativas.
6. Oportuniza a ampliação do vocabulário. Melhora a oratória e a pronúncia das palavras.
7. Desenvolve habilidades, sensibilidade musical, ritmo, desenho, conhecimento do mundo, expressão corporal, atenção e concentração.

Apresentação
Livro individual com capa desenhada, ilustrado e reescrito pelo aluno.
Apresentação da peça para os convidados (pais, outras classes ou anos).

Observações
Este projeto pode ser realizado nos anos iniciais do Ensino Fundamental I.
A escolha do livro e as atividades deverão ser adaptadas à faixa etária dos alunos, e podem sofrer variações conforme o envolvimento e o desempenho deles.
As etapas e as atividades descritas servem como sugestões. Entretanto, as professoras deverão adaptá-las e enriquecê-las de acordo com o ritmo da classe, a disponibilidade de tempo, espaços, materiais e o plano geral do colégio.


Eu Gosto

Um comentário: